Alvenaria autoportante Alvenaria autoportante

Alvenaria autoportante: o que é e quais são as vantagens?

6 minutos para ler

Quem procura pelo apartamento dos sonhos busca também alternativas que tenham não apenas qualidade, mas um bom custo-benefício. No mercado da construção, já existem opções bastante vantajosas, como é o caso da alvenaria autoportante, que, além reduzir os custos, ainda permite otimizar os espaços internos do imóvel.

A estrutura dessas construções é um pouco diferente do habitual. No entanto, sua sustentação é forte e tem grande durabilidade. Comparando esta com outras opções, podemos dizer que ela é uma ótima saída para quem quer gastar menos com uma qualidade confiável.

Quer conhecer mais sobre a alvenaria autoportante? Então, fique conosco e aproveite o post!

O que é a alvenaria autoportante?

Em resumo, a alvenaria autoportante, como o próprio nome sugere, é um tipo de construção com uma estrutura que sustenta o próprio peso, sem precisar recorrer às sustentações complementares. Suas paredes são construídas com blocos estruturais que conseguem dar conta da segurança do prédio, dispensando o uso de vigas e colunas, por exemplo.

O sistema de alvenaria utilizado nesse tipo de imóvel, conhecido como estrutural, é um recurso que foca no fortalecimento das paredes. Como não existem vigas e pilares de sustentação nesse caso, a etapa de concretagem é simplesmente substituída. Isso agiliza e barateia todo o processo.

Mesmo assim, o método da alvenaria autoportante ainda é pouco difundido. Isso acontece porque esse tipo de construção exige cálculos com extrema precisão e uma mão de obra certeira e experiente. Como são os blocos que sustentam o peso do imóvel, qualquer erro de cálculo pode complicar a obra.

É claro que, para garantir a segurança da construção, o projeto e a sua execução devem ser realizados por profissionais especializados nessas estruturas.

Quais são as vantagens desse tipo de alvenaria?

Podemos listar brevemente as principais vantagens da alvenaria autoportante como a redução de custos com materiais tradicionais (concreto, madeira, aço), a redução do tempo de construção e treinamento de pessoal, a maior agilidade na entrega da obra. No entanto, não se trata apenas disso. Existem muitos outros benefícios envolvidos.

Sustentabilidade

A construção civil é amplamente conhecida pelos impactos que ela gera na natureza. Sua atividade, apesar de ser importante para o desenvolvimento urbano, acaba poluindo o meio ambiente. Por isso, as pessoas estão cada vez mais preocupadas em buscar alternativas viáveis que reduzam o efeito desses impactos.

Na alvenaria autoportante, isso é uma realidade muito mais próxima. Comparada à estrutura convencional, seu sistema é muito mais racionalizado, otimizando o uso de materiais e reduzindo significativamente a produção de entulhos.

Duração da obra

O tempo de construção, nesse caso, também faz toda a diferença. As peças são ordenadas alternadamente para que se encaixem na hora da montagem, o que permite a instalação simultânea dos sistemas elétrico, hidráulico, de ar-condicionado e gás, por exemplo.

A necessidade de mão de obra é menor e a execução do serviço é muito mais rápida. Enquanto na alvenaria tradicional é preciso cuidar de toda a estrutura e vedação para só então concluir as demais etapas, na autoportante tudo fica pronto junto.

Economia

Outro fator que precisa ser ressaltado é a economia de dinheiro que esse tipo de obra representa. A alvenaria autoportante utiliza a racionalização de recursos e medidas predeterminadas, ou seja, a quantidade de materiais é muito mais exata. Além disso, quando você opta por esse tipo de serviço, não há a necessidade de muitos dos materiais utilizados em obras convencionais.

Em contrapartida, é preciso contar com uma equipe altamente qualificada nessa especialidade. Assim, pode ser que alguns profissionais acabem cobrando mais pela mão de obra. Portanto, pesquise preços e busque referências.

Flexibilidade

Além do que você já viu até aqui, a alvenaria autoportante transforma a construção em um processo flexível, que permite adaptar diferentes divisões e formatos para o imóvel. De certo modo, isso ajuda a superar o empecilho das vigas, colunas e vedação tomando o espaço dos cômodos. Quem quer comprar um imóvel, certamente sonha com ele da forma mais espaçosa possível.

Atualmente, essa técnica enfrenta um processo constante de evolução, o que permite que ela ofereça cada vez mais soluções que se adaptam às necessidades de quem está construindo, seja com espaços maiores ou mais pavilhões.

Como funciona esse tipo de construção?

Para que a construção confira a segurança devida, é imprescindível que os blocos sejam completamente preenchidos com argamassa e que sejam utilizadas barras de aço, tal como descrito no projeto feito pelo profissional responsável. Assim, cada peça se encaixará de forma alternada, respeitando os espaços das instalações hidráulicas, elétricas e de ar-condicionado, se houver.

Nas portas e janelas são utilizadas ripas de madeira para garantir o suporte dos blocos. Além disso, é importante que a obra seja muito bem projetada. Qualquer alteração que precise ser feita é muito difícil e pode acabar gerando trincas, o que comprometeria toda a estrutura.

Como descobrir se ela é a melhor opção?

Para que o imóvel em alvenaria autoportante seja realmente a melhor opção, você precisa se manter atento aos detalhes no momento da contratação. Primeiro, certifique-se de que a obra realmente será mais rápida e custará menos do que o convencional.

Depois, é preciso entender se a empresa contratada é de confiança. A escolha da construtora deve ser criteriosa. Para isso, dê atenção especial a alguns fatores:

  • procure saber há quanto tempo ela atua no mercado;
  • descubra se ela costuma cumprir prazos e a qualidade acordada;
  • conheça a reputação da empresa, converse com clientes, procure reclamações na internet;
  • confira os feedbacks sobre os serviços nas redes sociais do empreendimento;
  • cheque se a saúde financeira do negócio vai bem;
  • faça uma visita a outros empreendimentos da empresa;
  • analise com cuidado os detalhes do projeto;
  • avalie a qualidade do atendimento e a capacidade de resposta da empresa.

Esses são apenas alguns dos indícios que podem ajudar você a escolher uma boa parceira na realização do seu sonho da moradia própria. Mesmo que a alvenaria autoportante seja uma opção atrativa, contratar uma empresa irresponsável ou inexperiente pode colocar tudo a perder, afetando negativamente a sua percepção sobre esse tipo de estrutura.

Logo, se você valoriza a sustentabilidade, bons preços e um tempo de construção mais curto, a alvenaria autoportante é, sim, uma ótima opção.

A União Construtora conta com o Complexo Doce Vida Girassóis, feito em alvenaria autoportante. O empreendimento conta com uma área privativa de cerca de 58m², 8 pavimentos, 8 apartamentos por andar e 3 blocos, além da garagem.

Conheça mais a respeito desse empreendimento em alvenaria autoportante, descubra o Doce Vida Girassóis!

Posts relacionados

Deixe uma resposta